06 dezembro 2012

5

Relato de amamentação.

Olá meninas, como prometido vim falar hoje sobre como foi amamentar minha pequena.... Hoje sim vou fazer minha faxina então tenho que postar logo pra não me atrasar. Fiquem com meu relato e fotos pessoais e importantes pra mim, um beijo.

"Sonhei a gravidez inteira em como seria amamentar um bebê. Sempre achei a coisa mais linda do mundo. Aquele contato, um carinho, é incrível ver e sentir o seu próprio corpo alimentando a cria, o ser humano é quase perfeito, enfim, é uma coisa muito rica e bonita. A primeira vez que dei de mamá foi na maternidade. Não durou nem um minuto, creio eu. Umas 6 horas depois do parto ela foi pro quarto e como estava chorando um pouco coloquei ela no peito, com a ajuda da minha mãe, ela "chupetou" um pouco e dormiu. Lógico que nessa altura era apenas colostro, nem sei se ela teve força de puxar alguma coisa, sempre foi bem preguiçosa, mas aquele momento valeu demais pra mim.



Não preparei meu seio em nada pra amamentar, mas graças a Deus não tive dor e nem problema nenhum, tirando por um episódio doloroso (que graças a Deus passou bem rápido), que foi quando o leite desceu de verdade, com uns 4 dias eu acho. Acho que pouca gente sabe, mas quando o leite desce é numa quantidade maior do que o bebê pode aguentar, então o certo é retirar com bombinha ou manualmente pra que não empedre, e de qualquer forma, o bebê e você ainda estão se adaptando a amamentação, então é muito provável que o bebê não mame da forma certa e sobre leite demais. Foi o que aconteceu comigo. Eu já havia criado trauma da bombinha, pois antes da descida do leite, minha mãe (de uma forma maldosa, é sério), resolveu tentar puxar alguma coisa na bomba, eu fiquei com medo, então deixei que ela puxasse, e senti uma dor que nunca vou esquecer! Ela puxou com toda a força e meu bico se deslocou totalmente, pensei que fosse ficar sem! Nossaaaaaaa, doeu muito! Eu disse logo que nunca mais usaria aquilo. Usei o modelo da marca Lillo, que acho o pior de todos hoje em dia que tenho mais conhecimento. Enfim, então quando meu leite desceu de verdade terminou empedrando pois ficou muito cheio. Era uma dor quase insuportável, eu berrava demais, cheguei até a dizer que não iria mais amamentar e que queria secar o leite. Fiz minha mãe ligar pra médica e perguntar qual era o remédio que secava. E na mesma hora caí em prantos dizendo ser uma péssima mãe pois não podia suportar a dor pra amamentar minha filha. Esse episódio foi terrível. Mas terminei tirando um pouco com a bombinha mesmo, minha mãe fez uma tal simpatia com o pente virgem (a teoria é você fazer compressas de água quente e passar um pente fino e virgem em direção ao bico do seio, o pior é que resolve mesmo, o leite começa a sair e alivia bastante). Nessa noite fui dormir com o peito escorrendo muito, fiz uma poça na cama, e no dia seguinte ela conseguiu começar a mamar de verdade e então tudo ficou bem.


Enfim, amamentar era o que eu mais amava fazer. Meu bico não rachou, não doía em nada e eu tinha bastante leite pra alimentar minha cria. Entretanto a Alice era um tanto preguiçosa. No primeiro mês quase sempre dormia no peito e o leite escorria horrores! E como contei no post anterior, ela ainda mamava o complemento, o leite NAN PRO 1, eram 30 ml na chuquinha. Depois do primeiro mês ela começou a ficar mais esperta e mais esfomeada. Às vezes quando tava com muita fome não queria mamar o peito primeiro, eu dava 15 minutos em cada um, mas ela ficava sem paciência de puxar e berrava logo pela mamadeira! Eu ainda insistia, mas não tinha jeito, eu não podia deixá-la com fome.


Só que essa história foi se tornando mais frequente. E então ela simplesmente desmamou. Eu colocava no peito e era um chororô só! Meu leite foi diminuindo e piorando a situação. Com dois meses ela desmamou. Me dói até hoje, pois foi muito cedo... Eu queria amamentar no mínimo 6 meses. Mas não foi possível, a preguiça e fome da Alice foram maiores. Ninguém teve culpa, aconteceu naturalmente. Não me permito me julgar, pois não podia deixar minha filha com fome... Ela agora mama só mamadeira e o leite secou naturalmente. Ela já trocou o LA 3 vezes, pois ficou com prisão de ventre (e isso é história pra mais um post), hoje ela toma o Aptamil, da Danone. Ela deveria mamar 150 ml por vez, mas mama no máximo 120 ml, e só de vez em quando, na maioria só mama 90 ml. Semana que vem vou no pediatra pois não sei se isso é normal, mas ela ta ganhando peso tranquilamente, por isso não estou tão preocupada. Só sei que amamentar era tudo pra mim. Tento esquecer essa história, mas é a vida, tenho que lidar com isso."

Fiquem com fotos da Alice mamando.


 era tão lindo quando ela segurava o peito *-*


paraaaa gente, me deixa mamar em paz! #alice



5 comentários:

  1. amei o post e vi arthur ai em 2 pedaços..

    "Entretanto a Alice era um tanto preguiçosa. No primeiro mês quase sempre dormia no peito e o leite escorria horrores!"

    "Ela já trocou o LA 3 vezes, pois ficou com prisão de ventre (e isso é história pra mais um post)"

    Ele ta com prisão de ventre a dois a diaaas.. ê vida de mãe.. kkkk

    Beijos Anna e Alice lindas ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eles são demais! kkkkkkkkkk beijosss thaci

      Excluir
  2. Vc dava o peito e mamadeira.
    E disse que tinha bastante leite.
    Não dá pra entender pq vc dava mamadeira.
    Lógico que a criança vai preferir o mais fácil.
    Pra que esse complemento.

    ResponderExcluir
  3. Agora que amamento, me emociono de ver fotos de bebes mamando no peito ��, aconteceu cmg, meu seio empedrou e fiz a técnica do pente fino e deu certo.

    ResponderExcluir
  4. Agora que amamento, me emociono de ver fotos de bebes mamando no peito ��, aconteceu cmg, meu seio empedrou e fiz a técnica do pente fino e deu certo.

    ResponderExcluir